- POR MEU CANTE -


2004

POR MEU CANTE


01_ Pra onde quer que me volte
02_ Janela virada p´ro mar
03_ Sra da Nazaré
04_ Uma vez que seja
05_ Sino da minha aldeia
06_ Noite Cheia De Estrelas
07_ Noite Apressada
08_ Verão
09_ Cravo de São João
10_ Rapaz da camisola verde
11_ Que inveja tens tu das rosas
09_ CRAVO DE SÃO JOÃO

(Aníbal Nazaré / Martinho da Assunção)

 

Quando a vi ela trazia

Bem juntinho ao coração

Como um hino de alegria

Um cravo de são João

Passou por mim apressada

Da primeira vez que a vi

Achei a moça engraçada

E nunca mais a esqueci

 

Vinha bonita

Com o seu vestido de chita

Tinha uma graça infinita

Tinha um ar bem português

O meu olhar

Pousou nela como um beijo

E fiquei com o desejo

De a encontrar outra vez

 

 

Fez-me o destino a vontade

Novamente a encontrei

Mas para falar a verdade

Que diferença eu lhe achei

Elegante no trajar

De luxo e ostentação

E uma orquídea no lugar

Do cravo de são João

 

Vinha elegante

Num vestido extravagante

E tinha um ar petulante

Que cheirava a perdição

Naquela orquídea

Sua vida se resume

Porque perdeu o perfume

Do cravo de são João