- O MESMO FADO -


2002

O MESMO FADO


01_ O mesmo fado
02_ Senhora do Livramento
03_ Beijos de fogo
04_ Guitarra triste
05_ Jogo de sedução
06_ Arraial
07_ Trago Alentejo na voz
08_ Triste fado
09_ Noite despida
10_ Fado alcantarado
11_ Terra da minha gente
12_ Minguante das luas
02_ SENHORA DO LIVRAMENTO

(José Luís Gordo / Alfredo Duarte)

 

Senhora do Livramento

Livrai-me deste tormento

De a não ver há tantos dias

Partiu zangada comigo

Deixou-me um retrato antigo

Que me aquece as noites frias

 

Senhora que o pensamento

Corre veloz como o vento

Rumando estradas ao céu

Fazei crescer os meus dedos

Pra desvendar os segredos

Dum céu que não é só meu

 

Senhora do céu das dores

Infernos, prantos, amores

A castigar tanto o norte

Porque é que partiste um dia

Sofrendo a minha agonia

E não me roubaste a morte